Massacres em escolas

https://meiahora.ig.com.br/geral/policia/2019/03/5626305-atentado-em-realengo-foi-o-primeiro-massacre-em-escolas-brasileiras.html

No último encontro do projeto atualidades o assunto tratado foi o terrorismo em escolas, mas para que possamos explicar todo o contexto pra vocês primeiro precisamos definir “o que é terrorismo”? Aposto que veio a cabeça da maioria de vocês pessoas jogando bombas e explodindo algum lugar. Pois é, o terrorismo é o ato de querer causar terror em certa população ou até mesmo no governo assim chamando a atenção de toda a população. Temos diversos tipos de terrorismos existentes, mas como não dá para citar todos citarei os mais conhecidos:

Começaremos pelo indiscriminado que é quando os terroristas não tem um alvo em específico. Seu objetivo é atacar a população em um local público depositando bombas e causando grandes estragos e dessa forma chamando a atenção do governo.

 O segundo tipo é o seletivo que, como o nome já diz, é quando os terroristas tem um objetivo especifico e alvos determinados.  Nestes casos, os terroristas podem utilizar de chantagens, torturas, terror psicológico e diversas coisas que afetem a vitima de forma mais cruel possível. Podemos citar como exemplo grupos que propagam o racismo e a homofobia como os grupos neonazistas.

 Temos também o de estado que é o terrorismo feito pelo governo, tentando aplicar de forma brutal a ordem. Como exemplo, podemos citar regimes totalitários como o nazismo (que ocorreu na Alemanha).

 Como último exemplo de terrorismo citaremos o comunal que é quando a população civil acaba por intervir contra outras sem o consenso do estado e das autoridades. Como exemplo, temos as manifestações desordenadas como a que ocorreu no Brasil para diminuição da tarifa do ônibus, que fez com que a policia matasse mais de 13 pessoas no país com bombas.

https://super.abril.com.br/blog/superlistas/8-massacres-em-escolas-que-chocaram-o-mundo/

https://super.abril.com.br/blog/superlistas/8-massacres-em-escolas-que-chocaram-o-mundo/

Agora, vamos manter o foco no terrorismo nas escolas ok?

Por que as escolas?

Como eu citei acima, o terrorismo trás consigo a ideia de causar terror na população. As escolas são, para grande parte da população civil sinônimo de segurança, pois é o local onde pais confiam seus filhos durante grande parte do dia, na tentativa de protegê-los da violência externa (e educá-los, é claro). Quando uma escola é atacada toda a população fica apavorada. E não é para menos, vemos a escola como um símbolo de segurança e paz. Ver esse conceito ser quebrado (ainda mais com tal ato) nos causa, no mínimo, espanto.

Sabemos que as escolas de países menos desenvolvidos não têm nem mesmo um plano de evacuação em caso de incêndio ou algo desse tipo. É bem comum ver em escolas de países desenvolvidos planos de evacuação em caso de incêndio, mas nos países subdesenvolvidos isso não ocorre, pois a maior parte das instituições não têm estrutura e o governo não têm verba para fazer esses planos sendo assim necessário comprar extintores, abrir novas portas e reestruturar a instituição. Para que isso mude é preciso que a população seja conscientizada sobre a importância desses planos e comece a cobrar mais do governo para que eles sejam executados.

Os ataques normalmente ocorrem em escolas pela questão das “ligações”. Muitas vezes os terroristas que atacam escolas têm um histórico de Bullying, agressões e desentendimentos dentro da instituição. Desta forma, atacam como forma de vingança.  A maioria dos terroristas se espelharam em ataques anteriores e bem famosos. Como exemplo, podemos citar os atiradores da escola de Suzano que, segundo a polícia, se espelharam no ataque de Columbine.

Curiosidades

  • Algumas pessoas acreditam que armar os professores seja a solução para diminuir os atentados, mas de acordo com pesquisas feitas nós EUA os professores não querem isso por serem profissionais da educação e acreditarem que não se dão bem com armas pois até policiais armados as vezes eram tiros, e se um professor matar um aluno a sua culpa vai ser levada para sempre pois sua função é educar e não tirar vidas.
https://www.resistencia.cc/professores-armados-nas-salas-de-aula-a-solucao-de-donald-trump-para-a-violencia-nas-escolas/

https://www.resistencia.cc/professores-armados-nas-salas-de-aula-a-solucao-de-donald-trump-para-a-violencia-nas-escolas/
  • O ataque de Columbine é considerado referência pois várias pessoas se espelham nos dois garotos que sofriam bullyng e se viraram contra isso pois foram “corajosos” e mataram as pessoas que abusavam deles, o ataque viralizou tanto na época que até hoje grande parte da população ouve falar dele. Foram registrados mais de 74 casos tentando copiar Columbine.

https://www.em.com.br/app/noticia/nacional/2019/03/13/interna_nacional,1037559/atentado-de-suzano-traz-de-volta-a-memoria-outros-massacres-em-escolas.shtml

Dica Cultural

I’m Not Ashamed: The Rachel Joy Scott Columbine Story

A história de fatos e vida de Rachel Joy Scott, a primeira estudante assassinada por Dylan Klebold e por Eric Harris no massacre de Columbine em 1999 nos EUA.

https://pt.wikipedia.org/wiki/I%27m_Not_Ashamed

Referências :

Blog : Nova Escola

https://novaescola.org.br/conteudo/16082/por-que-a-escola-e-escolhida-como-alvo-de-massacres

Blog: Gazeta do Povo

https://www.gazetadopovo.com.br/educacao/o-que-massacres-em-escolas-tem-em-comum-b4bkjzz32rx3wod77h5xa0ud0/

Blog: Super Interessante

Blog: Brasil Escola

https://brasilescola.uol.com.br/historia/terrorismo.htm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s